Pages

terça-feira, 3 de julho de 2012

Passeio na Trilha do Cacaréu.

Caminhada pelo Dia Mundial do Meio Ambiente.










quarta-feira, 13 de junho de 2012

Seduc leva Colcha do Meio Ambiente à Rio+20.


A
visão dos estudantes da rede estadual de ensino do Rio Grande do Sul sobre o
meio ambiente estará presente na Conferência da Organização das Nações Unidas
(ONU) sobre sustentabilidade, a Rio+20, que acontece no Rio de Janeiro de 13 a 22 de junho. A colcha do
meio ambiente, união de desenhos e colagens, será exposta no estande do governo
do Estado, no Parque dos Atletas.
A colcha reuniu pinturas, colagens e desenhos que tiveram como ponto de partida
a reflexão dos alunos sobre a natureza que os cerca. A produção começou em
junho de 2011, durante o dia de mobilização, com a costura dos diversos panos
feitos de algodão cru, feita no Parque da Redenção, em Porto Alegre. Depois
disso, a colcha do meio ambiente se tornou itinerante. Foi exposta nas
Coordenadorias Regionais de Educação (CREs), na Secretaria Estadual do Meio
Ambiente, na Fundação Zoobotânica e em diversos eventos, simbolizando os
diferentes olhares das crianças e jovens sobre a sua relação com a natureza.
Além da colcha, a assessora Silvana Favreto, levará também um poster para a
Rio+20, com informações sobre os objetivos e resultados do projeto, já exposto
no 7º Fórum Brasileiro de Educação Ambiental em Salvador.

Uma alternativa para geração limpa.


Da Agência Ambiente Energia - A Usina Termelétrica de São
Borja, no
Rio Grande do Sul, foi inaugurada no final do mês passado. A
planta é
a maior do Brasil com geração de energia a partir de casca
de arroz e
está em condicionamento desde abril de 2010. A usina pertence ao
fundo
de investimento alemão MPC Bionergie Brasilien GmbH &
Co. KG e é
operada pela Dalkia Brasil, subsidiária da Veolia
Environnement e da
Eletricité de France (EDF).

A capacidade de geração é de 85 mil MWh ao ano e deverá ser
atingida
até o final de 2012, com consumo de cerca de 100 mil
toneladas de
casca ao ano. Desde 2010, a planta opera com 100% de seu potencial.
A
estimativa é que, do total de energia gerado, 10% seja
destinado à
alimentação da usina e 90% seja comercializado à rede
pública.

A escolha da matriz energética deve-se ao fato de o Rio
Grande do Sul
ser o maior produtor brasileiro de arroz. A casca do grão é
um insumo
descartado em aterros e não tem valor comercial. A
utilização da casca
no processo de geração soluciona um problema ambiental e
diminui o
custo global da energia.

A UTE de São Borja é a primeira planta de biomassa operada
pela Dalkia
no Brasil. No mundo, a expertise da companhia abrange cerca
de 280
projetos com geração de energia a partir de biomassa. A
Dalkia é
responsável pela operação e manutenção da planta e atua
desde a
preparação da matéria-prima à manutenção das instalações. O
objetivo
do trabalho é garantir a produção do volume de energia
esperado.

“Estamos trabalhando em parceria com os pequenos produtores
do entorno
da usina, o que tem auxiliado a região de forma econômica,
ambiental e
social. Outro benefício é o da redução do descarte da casca
de arroz
no ambiente, atribuindo-lhe uma utilidade”, explica Philippe
Roques,
diretor industrial da Dalkia

Fonte: http://www.ambienteenergia.com.br/index.php/2012/06/uma-alternativa-para-geracao-limpa/19712,

Quando você joga algo fora, está jogando dentro.


Você já pensou que quando jogamos o lixo fora, na verdade não é "fora" que
estamos jogando, e sim "dentro"?
Sim, dentro do nosso habitat, planeta, mundo, orbe. Enfim, a sua casa, a minha
casa, a nossa casa.
Se estocarmos em nossa própria casa todo o lixo que produzimos, provavelmente
em 1 ano, com uma família de em média 4 pessoas, o lixo consumiria todo esse
espaço. E onde iríamos morar? Temos a opção de comprar outra casa assim que a
atual enchesse. E continuaríamos fazendo isso por muitos anos, não é mesmo?
Vocês já se imaginaram vivendo em meio a insetos, odores desagradáveis,
materiais sujos, e outras tantas coisas que são nocivas à nossa saúde? Talvez
não, mas seria se o lixo fosse deixado dentro de sua própria casa ao invés de
coloca-lo num lugar que você considera "fora".
É isso que estamos fazendo com o nosso Planeta.
Não é possível deixar de produzir lixo, mas o melhor a fazer é reciclá-lo.
Temos que fazer algo para mudar essa realidade, por que se continuar assim por
muito tempo, um dia não existirá mas esse lugar onde o lixo
"desaparece".
É uma ignorância com a nossa própria vida, vamos crescer!
Não vamos deixar o Planeta virar uma bola de lixo espacial, vamos crescer
moralmente e nos tornar pessoas melhores a cada dia, a cada descoberta. Muitas
pessoas podem não saber, mas somos os seres mais inteligentes da face da Terra.
Não é à toa que fomos à Lua, inventamos tecnologias, curamos doenças. Foram
tantas descobertas, que é inaceitável não termos uma solução em que todos se
envolvam para o bem da própria vida.
Quem tem, iniciativa para reverter isso tudo, parabéns. Mas quem ainda não tem
consciência desse tremendo mal, comessem agora mesmo, pois o tempo está acabando.


FONTE: http://projetoisolamentotermico.blogspot.com.br/2011/10/quando-voce-joga-algo-fora-esta-jogando.html

terça-feira, 8 de maio de 2012

Dia 22 de maio: Dia Internacional da Biodiversidade.

Biodiversidade ou diversidade biológica pode ser definida como a variedade de vida do planeta terra, abrangendo as variações genéticas dentro das populações e espécies, a flora, a fauna, os microrganismos e as diversas comunidades, habitats e ecossistemas formados pelos organismos.
Sendo uma das propriedades fundamentais da natureza, é responsável pelo equilíbrio e estabilidade dos ecossistemas e suas funções ecológicas são fundamentais para modificar a biosfera, tornando-a apropriada e segura para a vida.A diversidade biológica possui, além de seu valor intrínseco, valor ecológico, genético, social, econômico, científico, educacional, cultural, recreativo e estético. Com tamanha importância, é preciso evitar a perda da biodiversidade e cada vez mais preservá-la.
A preservação da biodiversidade não é só responsabilidade dos governos. As organizações internacionais e não governamentais, o setor privado e todas as pessoas têm o dever de proteger o que é o nosso patrimônio comum.Neste Dia Internacional da Biodiversidade, vamos conscientizar e mobilizar todos os nossos conhecidos em prol da defesa da biodiversidade!

Coleta seletiva.


COMO IMPLANTAR A COLETA SELETIVA
Inicialmente é necessário a conscientização de todos para a busca de soluções para o grave problema. Isto é possível através de palestras, manual de Coleta Seletiva e cartazes demonstrando as vantagens da reciclagem, da preservação dos recursos naturais e a não
poluição do meio ambiente.Na próxima fase, é necessário sinalizar e disponibilizar coletores específicos para cada tipo de material em lugar comum a todos e de fácil acesso. Hoje, além dos coletores é possível disponibilizar sacos de lixos nas cores padrões de cada material.Na última fase é necessário ter um sistema pré-determinado para o recolhimento dos materiais selecionados e que deverão ser encaminhados para as usinas de reciclagens.

SISTEMAS DE COLETA DE SELETIVA
Existem algumas formas de coletas de materiais recicláveis.O primeiro exemplo é o sistema de porta a porta onde os caminhões do serviço de limpeza passam recolhendo os materiais separados, como na coleta de lixo comum, mas em dias específicos.O segundo exemplo é através da entrega voluntária (PEV) em postos de coleta distribuídos pela cidade nas escolas, praças, supermercados, etc., onde a população entrega os materiais separados nos respectivos coletores.Hoje existem, também, empresas especializadas que retiram os materiais selecionados e encaminham para as usinas de reciclagens mediante contratos ou solicitações.
Este método é mais adequado às empresas onde o volume de material é maior.

O PRIMEIRO PASSO: A SEPARAÇÃO DO LIXO

RECICLÁVEL DO NÃO RECICLÁVEL
No cotidiano de nossas cidades, são produzidas milhares de toneladas de lixo. Há muito tempo este resíduo é um dos grandes problemas que o poder público e a sociedade tem enfrentado, buscando soluções que nem sempre atendem as necessidades. Razão disso a degradação do
meio ambiente, tais como as contaminações de nossos rios, a poluição do ar, ruas sujas, proliferação de insetos, ratos, etc, causando doenças.A solução mais eficiente é a separação dos materiais recicláveis para o reaproveitamento, transformando o problema do lixo em solução econômica e social. Para que isto seja possível é preciso que todos participem colaborando com o programa de Coleta Seletiva.
A Só Lixeiras faz a sua parte fabricando e comercializando a
maior linha de coletores (lixeiras) para ambientes domésticos, comerciais,
industriais e condomínios. Seguindo os padrões CONAMA (Conselho Nacional do Meio
Ambiente) a Só Lixeiras trabalha para que o resíduo seja separado na origem,
facilitando todos os processos posteriores para a reciclagem. Desta forma,
permite que toda empresa enquadrada no projeto de responsabilidade ambiental,
atenda também as normas de qualidade ISO 14001.

COLETA SELETIVA

É a separação dos materiais que podem ser reciclados, na sua fonte
geradora.

BENEFÍCIOS DA COLETA SELETIVA

• Para 75 latas de aço, recicladas, preserva-se uma árvore que seria usada como carvão.• Para cada tonelada de papel reciclado, evita-se a derrubada de16 a 30 árvores adulta, em média.
• A cada 100 toneladas de plástico reciclado, evita-se a extração de 1 tonelada de petróleo e a economia em torno de 90% de energia.
• 10% de vidro reciclado, economiza-se 4% de energia e reduz 10% no consumo de água.As vantagens da reciclagem são muitas mas acima de tudo, ela melhora a qualidade de vida, minimiza os efeitos da poluição no planeta, gera empregos e rendas, além de valorizar as empresas ambientalmente corretas.

MATERIAIS RECICLÁVEIS

Os principais materiais recicláveis são papeis, plásticos, vidro e metal.Todos deverão ser separados e colocados em coletores ou sacos plásticos de preferência na cor padrão de cada material conforme resolução do CONAMA (Conselho Nacional do Meio Ambiente).

MATERIAIS NÃO RECICLÁVEIS

-Lixo Orgânico ou Úmido - São restos
de comidas, cascas de frutas e legumes, etc.
-Rejeitos - Lenços e guardanapos
de papel, absorvente e papel higiênico, fraldas, papéis sujos, espelhos,
cerâmicas, porcelanas, etc.
-Resíduos Especiais - Pilhas e
baterias.
-Resíduos Hospitalar - Curativos, gazes, algodão, seringas,
etc.
-Lixo Químico ou Tóxico - Embalagens de agrotóxico.

GUIA DE MATERIAIS RECICLÁVEIS E NÃO RECICLÁVEIS

PLÁSTICO - cor padrão vermelho
*Reciclável :•Copos• Garrafas• Sacos/Sacolas• Frascos de produtos• Tampa s•Potes• Canos e Tubos de PVC• Embalagens Pet(Refrigerantes, Suco,Óleo, Vinagre, etc.
*NãoReciclável: • Tomadas• Cabos de Panelas• Adesivos •Espuma• Embalagens Metalizadas(Biscoitos e Salgadinhos)

METAL - Cor padrãoamarelo
*Reciclável :•Tampinhas de Garrafas• Latas• Enlatados• Panelas sem cabo•Ferragens• Arames• Chapas• Canos• Pregos• Cobre
*Não Reciclável: • Clipes• Grampos• Esponja de Aço•Aerossóis• Latas de Tinta• Latas de Verniz,Solventes Químicos,Inseticídas

Papel - Cor padrão azul
*Reciclável :•Jornais e Revistas• Listas Telefônicas• Papel Sulfite/Rascunho•Papel de Fax• Folhas de Caderno• Formulários de Computador• Caixas em Geral (ondulado)• Aparas de Papel•Fotocópias• Envelopes•
Rascunhos• Cartazes Velhos
Não
Reciclável: • Etiquetas Adesivas• Papel Carbono• Papel Celofane•Fita Crepe• Papéis Sanitários• Papéis Metalizados• Papéis Parafinados• Papéis Plastificados• Guardanapos• Bitucas de Cigarros• Fotografias

Vidro - Cor padrãoverde
*Reciclável :•Garrafas• Potes de Conservas• Embalagens• Frascos de Remédios•Copos• Cacos dos Produtos Citados• Pára-brisas
*NãoReciclável: • Portas de Vidro• Espelhos• Boxes Temperados•Louças• Cerâmicas• Óculos• Pirex• Porcelanas• VidrosEspeciais (tampa de forno e microondas)• Tubo deTV

sexta-feira, 20 de abril de 2012

Convite

Reunião de Educação Ambiental
Público - Alvo: Um representante da Direção, Presidente do CPM e o Multiplicador do Projeto Meio Ambiente
Data: 26/04Horas: 8h30min
Local: Escola de Educação Infantil Antiga CAUL
Endereço: Rua Venâncio Aires esquina com Júlio de Castilhos

Dia 22 de abril: Dia da Terra!

Sites interessantes com atividades para os professores desenvolverem com seus alunos:








**http://www.youtube.com/watch?v=NtZWMHjDX78&feature=relmfu


**http://www.cmqv.org/website/artigo.asp?cod=1461&idi=1&moe=212&id=15800



quinta-feira, 22 de março de 2012



sexta-feira, 16 de março de 2012

Datas comemorativas.



sexta-feira, 2 de março de 2012

22 de março: Dia Mundial da Água!



terça-feira, 28 de fevereiro de 2012

Rio+20. O que é?


Em junho, o Brasil sediará a Rio+20, conferência da ONU que reunirá líderes do mundo todo para discutir meios de transformar o planeta em um lugar melhor para se viver. O evento será realizado no Rio de Janeiro, 20 anos depois da Eco92, que teve como protagonista uma menina de apenas 12 anos.
Por Débora Spitzcovsky - Edição: Mônica Nunes Planeta Sustentável- 29/07/2011

Você já deve ter lido na internet ou visto na TV que, em 2012, o Brasil será sede de uma importante conferência da ONU - Organização das Nações Unidas*: a Conferência das Nações Unidas sobre Desenvolvimento Sustentável, apelidada de Rio+20*. Mas você faz ideia do que acontecerá durante esse evento? Do que ele representa para o nosso futuro? Em junho, líderes dos 193 Estados que fazem parte da ONU, além de representantes de vários setores da Organização, se reunirão para discutir como podemos transformar o planeta em um lugar melhor para viver, inclusive para as futuras gerações. Uma grande responsabilidade, não é mesmo? A ideia da realização dessa Conferência no Brasil foi do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, que, em 2007, fez a proposta para a ONU. E você sabe por que o evento recebeu o nome de Rio+20? Porque a reunião acontecerá no Rio de Janeiro, exatamente 20 anos depois de outra conferência internacional que tinha objetivos muito semelhantes: a Eco92, também promovida pela ONU, na capital fluminense, para debater meios possíveis de desenvolvimento sem desrespeitar o meio ambiente. O evento rendeu a criação de vários documentos importantes - como a Agenda 21, a Carta da Terra e as Convenções do Clima e da Diversidade Biológica -, além de ter consagrado uma menina de - acredite! -, apenas, 12 anos. Trata-se da pequena canadense Severn Suzuki, fundadora do movimento Eco - Organização Ambiental das Crianças, que ficou marcada na história da Eco92 ao juntar dinheiro, junto com três amigos - Michelle Quigg, Vanessa Suttie e Morgan Geisler* - para viajar para o Brasil e falar para os mais importantes líderes do planeta, na época. Em um discurso pra lá de emocionante, a menina pediu aos adultos mais respeito pelo mundo que eles deixariam para ela e suas futuras gerações. (Assista ao vídeo da apresentação de Suzuki na Eco92, no final deste texto). Vinte anos depois, a Rio+20 reunirá os líderes de todo o mundo para fazer um balanço do que foi feito nas últimas duas décadas e discutir novas maneiras de recuperar os estragos que já fizemos no planeta, sem deixar de progredir. Mas pensar em alternativas para diminuir o impacto da humanidade na Terra não é responsabilidade, apenas, dos governantes: é nossa também. Afinal, todas as atitudes que tomamos no dia a dia - do tempo que demoramos para escovar os dentes ao meio de transporte que escolhemos para ir à escola - afetam, de alguma maneira, o planeta e, por consequência, nossa vida. Por isso, no mesmo período da reunião oficial da Rio+20, o Rio de Janeiro sediará, também, a Cúpula dos Povos: um evento que contará com debates, palestras e uma porção de outras atividades, sobre os mesmos temas da Conferência da ONU, mas que serão promovidos por grupos da sociedade civil - como ONGs e empresas. A ideia é que todos os setores da sociedade discutam, ao mesmo tempo, maneiras de transformar o planeta em um lugar melhor para vivermos. Afinal, a união faz a força, certo? E até mesmo quem estiver de fora dessas duas reuniões pode ajudar, pensando em maneiras de diminuir seu impacto na Terra. Que tal tomar banhos mais curtos? Ou desligar a TV, enquanto usa o computador e vice-versa? Pense em atitudes que você pode adotar para melhorar o planeta em que vivemos e compartilhe com seus amigos, pais e professores - e, também, aqui, com a gente! Você pode incentivar muitas outras pessoas a fazer o mesmo...

segunda-feira, 27 de fevereiro de 2012

Vídeo institucional da Conferência Mundial do Meio Ambiente, Rio+20.

video

Brasil é sede do Dia Mundial do Meio Ambiente, em 2012.



O Brasil sediará as comemorações do Dia Mundial do Meio Ambiente, lembrado no dia 5 de junho. O tema deste ano será Economia Verde: Ela Te Inclui? O anúncio foi feito em Nairobi (Quênia), onde a ministra do Meio Ambiente, Izabella Teixeira, reuniu-se com o diretor executivo do Programa das Nações Unidas para o Meio Ambiente, Achim Steiner. As comemorações vão ocorrer três semanas antes de o Brasil sediar a Rio+20, encontro que vai discutir os progressos do desenvolvimento sustentável nos últimos 20 anos, além dos futuros desafios para o meio ambiente. Há duas décadas, o Brasil sediou as comemorações pelo Dia Mundial do Meio Ambiente, durante a Cúpula da Terra.


sexta-feira, 24 de fevereiro de 2012

Qualidade dos orgânicos - a grande diferença.



Foi publicado no Journal of Applied Nutrition ( 1993 ) pesquisa realizada durante 2 anos em Chicago, Estados Unidos, onde ficou comprovada a grande diferença entre o alimento orgânico e o alimento produzido de forma convencional. Foram analisadas várias amostras de maça, batata, pêra, trigo e milho doce, comprovou-se que os alimentos orgânicos possuem uma diferença acentuada no conteúdo de alguns minerais essenciais. Veja a tabela:


MINERAL % superior do alimento orgânico


Cálcio 65%
Ferro 73%
Magnésio 118%

Molibdênio 178%
Fósforo 91%
Potássio 125%
Zinco 60%
Mercúrio MENOS 29 %


Obs: foram realizados de 4 a 15 amostras para cada grupo de alimento
Segundo análise na apresentação do Engenheiro Agrônomo Jorge Vailati do Instituto Biodinâmico , esta é a maior prova que, mesmo utilizando adubos quimicos, não se garante um maior nível de nutriente aos produtos da agricultura convencional.
Este fato mostra a superioridade de um sistema orgânico, mais eficiente. A liberdade de crescimento e amadurecimento da planta, garante a nutrição de forma natural de acordo com as leis da natureza do reino vegetal.

Indicação de site com jogos.

Muito legal o site www.cnpsa.embrapa.br/jogos, pois nele você encontra vários jogos sobre o meio ambiente. Acesse lá e divirta-se!

quarta-feira, 15 de fevereiro de 2012

video